Tiradentes: cores e sabores das Gerais!!!

Fomos para Tiradentes mais uma vez, nesse feriado prolongado com um casal de amigos, dia 05/11 foi aniversario da nossa querida cidade Itapetininga, ai corremos para recarregar as baterias lá, e obviamente voltamos com uns quilinhos extra na bagagem…rsrs

Como não se apaixonar por Tiradentes?? Os aromas, as artes, as ruas de pedra, a arquitetura, as igrejas, as pessoas e os sabores da cidade encantam a todos.

Fundado por volta de 1702, o pequeno município rota da Estrada Real, cercado pela impressionante Serra de São José, acolhe com seu artesanato e tecelagem, diverte com o passeio de Maria Fumaça, traz conhecimento e história com seus museus e igrejas e adoça a vida com seus famosos pés de moleque, doces de leite, ambrosias e compotas que nos remetem a casa da Vó, sem contar nas pimentinhas para todos os gostos.

A secular culinária local, herdada de índios e escravos com muito milho, cana, e mandioca e seus ingredientes frescos saindo do quintal, preparados lentamente no fogão à lenha, ganhou visibilidade nacional, e hoje, Tiradentes é pólo gastronômico internacional e realiza anualmente no mês de agosto um dos mais renomados eventos gastronômicos do Brasil: o Festival de Cultura e Gastronomia de Tiradentes, contanto também com a presença de inúmeros Chefs renomados como Alex Atala,

Eu amo Tiradentes e sua energia, que segundo um morador local é por causas das montanhas de Quartzo da Serra de São José, que rodeia a cidade e sem contar a hospitalidade e simpatia dos moradores que sempre estão disponíveis para uma prosa.

Rolinho Primavera de Pato do Uaithai

Tiradentes é uma grata surpresa para os apreciadores da boa mesa, tem para todos os gostos e bolsos, fizemos um verdadeiro tour gastronômico e etílico.

Para os apreciadores da alta gastronomia não posso deixar de citar o Angatu, Tragaluz. e o Uaithai, os 3 são perfeitos e valem a visita, mas o meu preferido é o Uaithai, com uma culinária surpreendente e mais arretada e um quintal maravilhoso com uma visão privilegiada da Serra, mas isso é gosto meu…rsrs

Bolinho Tailandês do Uaithai
Thamarind Bó do Uaithai pense um trem bão, músculo bovino a moda vietnamita
Pastéizinhos Uaithai de figo com gorgonzola
Paté de foie: paté de fígado de pato acompanhado com pães artesanais
Gnocchi “orai por nós” do Tragaluz de comer rezando rs
Goiabada Tragaluz 😍

Como não abrimos mão da comida mineira raiz recomendo o Pau de Angu, situado aos ´pés da Serra de São José na Estrada Real, Comida & Arte e Tempero da Angela localizados em Bichinho, Dona Chica na praça principal comida deliciosa a preços módicos, e o barzinho mais legal da praça é o Sabor com arte capitaneados pelo simpático casal Elaine e Gérard..impossivel conhecer tudo em uma visita, Tiradentes tem sabores infinitos ❤️

Dispensa legendas rs
Bolinho de pernil do Pau de Angu
Tentações do Dona Chica
Pastel de Angu do Pau de Angu
Doces para todos os gostos
Vista do Pau de Angu

E assim foi mais uma passagem por Tiradentes uma cidade que mora em nossos corações 💕